Verão começa hoje(21) e a previsão é de chuva abaixo da média e altas temperaturas

0
182

Foto: Brígida Fátima G. de Melo

O verão 2020/2021 começa astronomicamente às 7h02 de hoje, dia 21 de dezembro de 2020 e termina às 6h38 do dia 20 de março de 2021, pelo horário de Brasília. Confira agora a previsão do Clima para o verão 2021 na região Centro-Oeste do Brasil.

Características gerais do verão na Região Centro-Oeste

verão é a época que mais chove na Região Centro-Oeste do Brasil. Os volumes médios de chuva são bastante elevados e superam os 300 mm, em várias áreas, especialmente no mês de janeiro.

Um bom desempenho da chuva no verão é fundamental para a Região Centro-Oeste do país, pois é essa chuva que vai sustentar a produção agrícola e, de certa forma, evitar o surgimento precoce de focos de fogo.

Pelo cálculo do Instituto Nacional de Meteorologia, para o período de 1981 a 2010, a média de precipitação em janeiro varia de 300 mm a 350 mm, para a maioria das áreas de Mato Grosso, e de 200 mm a 300 mm em Goiás, em Mato Grosso do Sul e no Distrito Federal.

Para o mês de fevereiro, a média de precipitação varia de 200 mm a 300 mm  na maioria das áreas de Mato Grosso, de Goiás e do Distrito Federal.  O extremo norte de Mato Grosso ainda tem médias de 300 mm a 350 mm. Em Mato Grosso do Sul, as médias variam de 175 mm e 200 mm.

Para o mês de março, segundo cálculo do INMET, a média de chuva na maioria das áreas de Mato Grosso do Sul varia de 150 mm a 200 mm. Para Goiás, Distrito Federal, em Mato Grosso, a média de chuva varia de 200 a 300 mm. Em algumas áreas na divisa de Mato Grosso com o Pará e com o Amazonas, a média de chuva pode chegar aos 350 mm em março.

Formas de precipitação de verão na Região Centro-Oeste

A chuva na Região Centro-Oeste do Brasil durante o verão vem de nuvens carregadas que se formam por causa da grande disponibilidade de calor e de umidade na atmosfera e também da formação de grandes áreas de instabilidade. Essas áreas de instabilidade podem provocar chuva persistente volumosa por vários dias consecutivos caracterizando a invernada.

A invernada é provocada pela atuação da ZCAS – Zona de Convergência do Atlântico Sul – ou de outras convergências de umidade que com frequência se organizam sobre o Brasil nos meses de verão.

Temporais com chuva forte e volumosa, com raios e fortes rajadas de vento são bastante comuns durante o verão no Centro-Oeste do Brasil.

Previsão para o verão 2021

O verão 2021 terá influência do fenômeno La Niña, mas que desta vez não terá uma atividade marcante sobre a chuva da Região Centro-Oeste do Brasil.

No verão 2021, há expectativa de formação de algumas zonas de convergência de umidade, mas com pouca chance de formação de ZCAS. De forma geral, o verão 2021 será com chuva abaixo do normal em praticamente todo o Centro-Oeste do Brasil.

Janeiro de 2021

Para janeiro de 2021, a previsão é de que o volume de chuva fique abaixo da média normal para o mês em praticamente todas as áreas de Mato Grosso, de Goiás e no Distrito Federal. As porções a leste e sul de Mato Grosso, o extremo sul de Goiás e o estado de Mato Grosso do Sul devem receber mais chuva do que a média em janeiro de 2021.

As capitaisCuiabá e Campo Grande devem ter chuva dentro a acima da média em janeiro. Goiânia e Brasília devem ter chuva abaixo da média.

Fevereiro de 2021

Para fevereiro de 2021, a previsão da Climatempo é de que chova menos do que a média normal para o mês na maioria das áreas de Goiás, no Distrito Federal, na parte leste de Mato Grosso e na região do Pantanal. A região do Distrito Federal terá um fevereiro com menos chuva do que a média.

O centro-oeste e o norte de Mato Grosso, o extremo sul de Goiás e áreas ao centro-norte e sul de Mato Grosso do Sul devem receber um volume de chuva próximo da normalidade.

A parte leste de Mato Grosso do Sul, região próxima de São Paulo, deve terminar fevereiro com chuva acima da média normal.

Nas capitais, a tendência é de que chuva de fevereiro fique abaixo da média em Cuiabá, em Goiânia e em Brasilia. Em Campo Grande, deve chover dentro a acima da média em fevereiro.

Março de 2021

Durante o mês de março de 2021, a Região Centro-Oeste de forma geral deve ter um volume de chuva próximo ou abaixo da média. Várias áreas no centro-norte de Mato Grosso devem receber um pouco mais de chuva do que a média para o mês. O Pantanal e todo o centro-oeste de Mato Grosso do Sul tende a ter menos chuva do que a média.

Temperaturas

De forma geral, o verão 2021 no Centro-Oeste do Brasil será quente, com temperaturas dentro da média histórica.  Porém, com a previsão de menos chuva do que o normal durante o mês de janeiro é possível que ocorram episódios de calor muito acima do normal. Janeiro de 2021 deve terminar com média de temperaturas significativamente acima do normal no Centro-Oeste, de forma geral. Já para fevereiro e março, a previsão é de que a média de temperaturas fique bastante próxima da média normal para o mês.

Fonte: ClimaTempo

Parceiro:

Nenhuma descrição de foto disponível.

Endereço: Rua São Paulo, em frente ao cemitério.
Telefones: 3331-3556 e 98597-7806

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here