Hoje(21), Prefeitura declara situação de emergência na cidade de Pirenópolis, proibindo a entrada de pessoas que não comprovarem residência

1
2107

Foto: Brigida Fátima G. de Mello

Após deliberação do Comitê Municipal de Enfrentamento ao COVID-19, o prefeito João Batista Cabral, decreta situação de emergência em saúde pública e adota novas medidas . As novas determinações foram aprovadas durante reunião dos membros do comitê realizada neste sábado(2!), na Prefeitura Municipal de Pirenópolis.

As novas regras, proíbe a entrada de pessoas de outras cidades, ou seja, para ingressar no município a partir de hoje(21), será exigido documentação comprobatória de residência, como certidão de matrícula do imóvel, comprovante de pagamento de água, luz, telefone, internet, gás e IPTU no nome da pessoa que pretende ingressar e documentos pessoais que comprovem grau de parentesco, ou seja, membros pertencentes ao mesmo núcleo familiar, como cônjuges, pais, filhos, avós e netos.

O novo decreto ficará em vigor por tempo indeterminado e é uma alteração do que foi assinado na última quinta-feira(19), que permitia apenas o funcionamento de estabelecimentos como farmácias, supermercados, locais que vendem alimentos a animais, distribuidores de gás, espaços de comercialização de água mineral e postos de gasolinas, restringindo o funcionamento de pousadas, bares, restaurante, atrativos naturais, igrejas ou qualquer outro tipo de aglomeração esportivas e culturais.

Diariamente estão monitorando a situação do Coronavírus na cidade. Todas as definições estão sendo tomadas de forma colegiada pelo comitê, ouvindo as principais autoridades de saúde pública do município. Portanto, vale ressaltar que todos continuem atentos a essas determinações. Com cada um fazendo a sua parte, vamos vencer esse momento difícil. Fiquem em casa!

 

Veja o decreto na íntegra:

Nenhuma descrição de foto disponível.

A imagem pode conter: texto

Nenhuma descrição de foto disponível.

 

 

1 COMENTÁRIO

  1. Pode até ser bem intencionada, porém é inconstitucional! Se alguém ficar em estado grave vai ser removido para Goiânia, aí pode! Ridículo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here