Governo Federal promete a Caiado desfazer a venda da Celg, devido ao péssimo serviço que a Enel vem oferecendo

0
126

caiado generalramos twitter assessoria

 

O governador Ronaldo Caiado recebeu sinal positivo do Governo Federal para articular a cassação da concessão da Enel, que controla a antiga CELG Distribuição. Caiado se reuniu com o ministro da Secretaria de Governo da Presidência, o general Luiz Eduardo Ramos, e manifestou o saldo positivo de seu encontro via Twitter.

“Debatemos soluções para a crise energética proporcionada pelo péssimo serviço da Enel em Goiás. Ramos disse que o Governo Federal tomará medidas enérgicas caso o problema não seja solucionado”, comemorou o governador.

De acordo com a assessoria de imprensa, Ramos teria se comprometido a ajudar na busca por soluções imediatas, o que inclui cassar a concessão e iniciar novo processo de privatização.

Por meio de nota, a Enel informa que não foi notificada oficialmente em relação á concessão de sua distribuidora no estado de Goiás. A companhia afirma também que “tem investido 3,5 vezes mais do que os níveis históricos anteriores à privatização, com melhorias significativas nos índices de qualidade medidos pela Aneel”.

Leia a nota na íntegra

“A Enel Brasil informa que não recebeu nenhuma notificação oficial do Governo Federal em relação à concessão de sua distribuidora em Goiás. Desde que assumiu o controle da distribuidora, a Enel Distribuição Goiás tem investido 3,5 vezes mais do que os níveis históricos anteriores à privatização, com melhorias significativas nos índices de qualidade medidos pela Aneel. Desde então, o DEC (índice de duração média das interrupções de energia) e o FEC (índice de frequência média das interrupções) melhoraram 21% e 39%, respectivamente, melhores índices históricos da companhia.

Como resultado desse plano de investimento, a Enel Distribuição Goiás recentemente foi premiada, pelo segundo ano consecutivo, como melhor distribuidora na categoria Evolução do Desempenho da Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee).

A Companhia continuará investindo na expansão da capacidade de energia e na modernização da rede elétrica para melhorar a qualidade do serviço em todo o Estado de Goiás.”

Último embate

No último dia 25, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), reclamou do atraso na instalação de energia elétrica na Policlínica de Posse (GO). A previsão era de inaugurar a estrutura na virada de julho para agosto. No entanto, quando o governo solicitou a Enel Distribuição, a ligação de energia elétrica do local, a reposta foi que vai demorar, um prazo de 120 dias para que a instalação seja feita.

Em nota, a Enel Goiás informou que o o projeto para a construção da rede elétrica está em desenvolvimento e aguarda a instalação do transformador que é de responsabilidade da Secretaria Estadual de Saúde.

Histórico

Desde que assumiu o mandato o governador Ronaldo Caiado vem questionando o contrato de privatização e a qualidade do serviço prestado pela ENEL no estado de Goiás. Em março, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico realizou estudo sobre as deficiências no fornecimento de energia elétrica no Estado e o confrontou com o plano emergencial da Enel, apresentado, no início de março, ao governo de Goiás e à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), órgão regulador do governo federal. “Constatamos que as ações de grande impacto serão efetivas somente a partir de 2019”, informou o secretário Adriano da Rocha Lima em entrevista à Rádio Sagres 730.

Neste período de fortes críticas, a Agência Nacional de Energia Elétrica divulgou o ranking de qualidade das distribuidoras de energia de 2018.

A Enel foi a última colocada pela quinta vez consecutiva. O goiano ficou, em média, 26,61 horas sem energia em 2018. A média nacional foi de apenas 12,85 horas. Mas já foi pior. Em 2017, foram registrados 32,29 horas de escuridão no Estado.
*Com informações DM
Parceiro:
Madeireira Lobo
Tem promoção de telhas na Madeireira Lobo. Confira:

Telhas em promoção:

Telha de 3.66 m x 1.10 m – R$ 85,00

Telha de 2.44 m x 50 cm – R$ 17,00

Além de telhas, na Madeireira Lobo você encontra de tudo, como portas de diversos modelos, portais, telhas e tijolos de diversas cores e formatos, madeiras variadas como eucalipto tratado, angelim vermelho, cumaru, amarelão, ferragens, tábuas para cerca e curral, forro cedrinho e paulista, assoalhos de ipê e fechaduras em geral. Para melhorar ainda mais e aliviar no seu orçamento, a Madeireira Lobo tem o menor preço e não cobra taxa de entrega.

Faça uma visita e confira!

Endereço: Avenida Benjamin Constant, quadra 04, lote 01

Telefones: 3331 – 3040 / 99454 – 0865

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here